Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019

Automóveis e Cia

>

Como evitar problemas com o catalisador

Como evitar problemas com o catalisador

Instalados em alguns modelos a partir de 1992, os catalisadores tornaram-se itens obrigatórios há quatro anos, com o objetivo de transformar grande parte dos gases tóxicos expelidos pelo motor em gases inofensivos. Com a entrada em vigor da inspeção veicular, no ano que vem, cresce ainda mais a importância desse item, que se não estiver em ordem terá de ser substituído. Caso contrário, o carro não poderá ser licenciado.

Embora esquecidos pela maioria dos motoristas, esses redutores de poluição são prejudicados pelos combustíveis de má qualidade e pelas lombadas fora de especificação, podendo causar prejuízos que podem chegar a quase R$ 4 mil em alguns casos.

Instalados no sistema de escapamento, os catalisadores trabalham numa temperatura superior a 350º. Assim, devem sempre estar livres de fagulhas, ou combustível não queimado para não pegar fogo. Por isso, manter o sistema elétrico em ordem, verificando o estado das velas, bobinas, distribuidor e dos cabos é um dos cuidados que devem ser tomados. Também não é aconselhável instalar alarmes que não sejam originais, bem como fazer o carro pegar no tranco, pois isso facilita a entrada do combustível não queimado no sistema de escape.

Outra dica é evitar os combustíveis de qualidade duvidosa e escolher sempre os lubrificantes recomendados no manual do proprietário. Se a combustão e a lubrificação do motor não forem perfeitas, existe o risco dos detritos entupirem o catalisador. No caso da peça ser danificada por batidas em lombadas, o entupimento pode ser causado por pedaços de cerâmica. Um bom catalisador dura cerca de 80 mil quilômetros, mas uma vez danificado, precisará ser trocado.

Se o motor perde força e o escapamento passa a fazer barulho como se tivesse algo solto embaixo do chassi, ou se o sistema de escape fica preso, com se estivesse entupido, vale a pena fazer uma verificação. O custo da reposição varia de R$ 270,00 a R$ 3.800,00, conforme o modelo e a nacionalidade do carro.

Retirar, adulterar, ou instalar indevidamente o catalisador sujeita o dono do carro, e/ou o estabelecimento responsável, à multa que varia de R$ 500,00 a R$ 10.000,00. Na hora de substituí-lo, é preciso ter o cuidado de não aceitar peças falsificadas - no caso apenas uma carcaça com tubo soldado, sem o suporte cerâmico revestido com óxido de alumínio e metais ativos, que convertem os gases tóxicos em vapor d´água, gás carbônico e nitrogênio.

Como precisa funcionar sempre em alta temperatura, o catalisador pode causar incêndio quando entra em contado com folhagens secas, como gramados e arbustos. Por isso, vale evitar estacionar o carro em terrenos com esse tipo de vegetação quando o motor estiver quente.

Fonte: Carsale

Clique aqui para ver mais sobre Automoveis

Imóveis em Sorocaba

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças e acessórios aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de peças que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

O mercado de Aluguel de louças em São Paulo aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas em São Paulo) para um festa



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.