Quarta-Feira, 19 de Dezembro de 2018

31/1/2011 - Sorocaba - SP

Vereador quer apuração no atendimento médico a um jovem que morreu




da assessoria de imprensa da câmara de Sorocaba

Diante da morte de um rapaz de 18 anos, residente no jardim São Marcos, ocorrido na madrugada desta sexta-feira (28), o vereador Hélio Godoy (PTB), informa que deverá requisitar uma apuração detalhada sobre o atendimento médico recebido pelo paciente.

Godoy explica que foi procurado por familiares do jovem, que teria sofrido uma pancada na cabeça e estaria apresentando desmaios e confusão mental. “O Bruno estava visivelmente com dificuldade motora e já havia passado três vezes pelo pronto atendimento da Zona Oeste, sem que nenhum diagnóstico fosse elaborado”, diz.

Ainda segundo o vereador, o rapaz foi encaminhado através de sua assessoria, à Santa Casa da cidade, onde foi diagnosticado um coágulo no cérebro. “Bruno foi medicado, mas não reagiu bem ao tratamento que acabou com suas funções hepáticas e o deixou com queimaduras de segundo grau por todo o corpo, devido a um processo alérgico aos medicamentos”, acrescenta.

Pela  gravidade da situação, Godoy pediu apoio à Secretaria Municipal de Saúde para transportar o paciente até o hospital Albert Einstein na capital. Na última terça-feira (28), foi realizado um transplante de fígado no paciente. “Nesse mesmo dia, eu estive no hospital e verifiquei a gravidade das queimaduras. Uma situação  horrível! Imaginei  a dor  que ele estava sentido,  pois já fui queimado em 47% do corpo”, comentou.

Apesar  dos cuidados em São Paulo, Bruno não resistiu e morreu, deixando a família em estado de choque. O parlamentar foi informado e acompanhou o sepultamento do corpo do jovem, ocorrido na manhã desta sexta-feira (28).

Agora o vereador está preocupado com o desfecho do caso do rapaz e promete cobrar uma investigação rigorosa sobre o atendimento médico recebido por ele. “Temos que saber se houve negligência. Não é a primeira vez que um paciente que procura o PA da Zona Oeste recebe encaminhamento inadequado. Não queremos que isso volte a se repetir com outras pessoas”, disse.

Godoy pretende aguardar a formação das Comissões da Câmara Municipal para o exercício de 2011, o que deve ocorrer na próxima semana, para encaminhar o caso à nova Comissão Parlamentar de Saúde do Legislativo.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.