Terça-Feira, 21 de Novembro de 2017

18/10/2017 - Sorocaba - SP

Vereador cobra adequações e implantação de equipamentos de acessibilidade




da assessoria de imprensa da Câmara de Sorocaba

Wanderley Diogo (PRP) sustenta que é obrigação da administração tornar as ruas de fácil acesso para pessoas com deficiência

O vereador Wanderley Diogo (PRP) está cobrando da Prefeitura adequações e implantação de equipamentos para melhoria da acessibilidade na cidade. Entre as reclamações de pessoas com deficiência física ou visual estão as calçadas em mau estado de conservação, esburacadas e sem piso tátil, semáforos que não possuem sinal sonoro e a falta de acessibilidade também nos terminais de ônibus.

As pessoas cegas e com baixa visão dependem de terceiros para identificar ruas, endereços, itinerários de ônibus, avisos, obstáculos e outras referências visuais. Transitam com dificuldade por vias públicas em geral e ficam expostas a constantes situações de risco. A bengala é um recurso indispensável para a locomoção de pessoas cegas. No entanto, seu uso não dispensa a colaboração de eventuais guias humanos ou informantes, ainda que seja apenas para atravessar ruas, parar o ônibus, prevenir acidentes ocasionais ou, simplesmente, facilitar o acesso, principalmente, porque muitas vezes não há acessibilidade para as pessoas com deficiência visual.

As barreiras percebidas nas ruas e vias públicas em geral tornam o espaço urbano intransitável para qualquer pessoa e inacessível para as que têm dificuldade de locomoção ou mobilidade reduzida. Estes problemas fazem da locomoção dos deficientes físicos e visuais uma verdadeira aventura pela cidade, tornando as atividades que poderiam ser muito simples, algo complexo que atrapalha de modo significativo o direito de ir e vir. Nos terminais de ônibus outras dificuldades aparecem, pois também não tem piso tátil e os acessos sem escada são desnivelados, o que pode provocar quedas.

Diante de todas essas dificuldades relatadas por munícipes, o vereador Wanderley Diogo está solicitando da Prefeitura a instalação de equipamentos e adequação de ruas e próprios públicos de acordo com os moldes da acessibilidade. “ Sorocaba tem aproximadamente 700 mil habitantes, está vivendo constantes transformações no trânsito, que hoje é muito diferente de 10 anos atrás, e já existem comparações com o caótico trânsito da Capital. Com essas mudanças, surgem muitos desafios de gerenciamento do trânsito da cidade e também para os motoristas e pedestres. É obrigação da Administração Pública tornar ruas e calçadas da cidade de fácil acesso a pessoas com deficiência física ou visual. Essas pessoas sofrem constantemente com a falta de acessibilidade. É necessário que a cidade acompanhe essas necessidades e ofereça a acessibilidade”, explica.

(Assessoria de Imprensa – Vereador Wanderley Diogo/PT)



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.