Sexta-Feira, 17 de Agosto de 2018

11/2/2011 - Sorocaba - SP

Sorocaba terá Casa de Acolhimento Transitório e Consultório de Rua




da assessoria de imprensa da prefeitura de Sorocaba

A Prefeitura de Sorocaba, por iniciativa das secretarias da Saúde (SES) e da Juventude (Sejuv), foi contemplada pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas e será uma das 40 cidades do Brasil a contar com uma Casa de Acolhimento Transitório (CAT) e com o Consultório da Rua (CR), dispositivos para atendimento a usuários de álcool e drogas, que integram o Plano Integrado de Enfrentamento ao e Outras Drogas do Governo Federal. A previsão é que os serviços comecem em abril.

O projeto elaborado pela SES e Sejuv, para implantação da Casa de Acolhimento Transitório e do Consultório de Rua, foi classificado no processo seletivo para apoio financeiro a municípios, como prevê o Plano Integrado de Enfrentamento ao e Outras Drogas. O Ministério da Saúde repassará R$ 486 mil para a CAT (R$ 180 mil para implantação e R$ 24 mil para despesas mensais, por um ano) e R$ 150 mil para o CR. A entidade executora dos projetos será a Associação Lua Nova, por meio de convênio assinado com a SES e apoio da Sejuv.

 

Estes dispositivos irão implementar os programas locais de atenção e prevenção contra o álcool e outras drogas. Com a Casa de Acolhimento e o Consultório de Rua vamos ampliar nossa rede de atenção aos dependentes químicos”, diz o secretário da Saúde, Milton Palma.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.