Quarta-Feira, 21 de Fevereiro de 2018

18/1/2018 - Sorocaba - SP

SES imuniza funcionários de área próxima do Parque do Matão




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Sorocaba

vacinacocampolim

Sorocaba não tem registro de caso da doença. Mesmo assim Prefeitura cria barreira de imunização

Com o objetivo de criar um bloqueio de imunização na divisa entre Sorocaba e Votorantim, a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Saúde (SES), vacinou nesta quarta-feira (17) aproximadamente 500 funcionários de comércios localizados nas avenidas Gisele Constantino e Professora Izoraida Marques Peres contra a febre amarela. A ação é realizada por conta do laudo positivo do IAL (Instituto Adolfo Lutz) para a morte do macaco no Parque do Matão, em Votorantim, divulgado no dia 12 de janeiro. Nessa ação serão vacinados apenas moradores e trabalhadores do raio estratégico traçado pela equipe gestora da SES. A força tarefa acontece das 8h às 17h e continua até sábado (20), com a possibilidade de prorrogação.

A recomendação da Secretaria do Estado é que sejam feitas ações de combate e bloqueio num raio de 500 metros de onde foi registrado o caso de epizootia (óbito de macaco por febre amarela). Esse raio traçado no parque não atinge o município de Sorocaba, mas a SES decidiu antecipar qualquer mal e agir de forma preventiva.

O bloqueio de imunização preventivo está sendo feito através das equipes da saúde, que imunizam comércios e moradias próximas de um raio estratégico na parte sorocabana das avenidas Gisele Constantino, Adolpho Massaglia e Professora Izoraida Marques Peres, formando um paredão entre a divisa de Votorantim. Nesta ação, até o momento, estão participando 8 funcionários da SES.

Funcionário há mais de três anos da empresa Tok & Stok, Bruno Guarnieri, de 25 anos de idade, contou que trabalha de 6 a 7 dias por semana naquela área e achou importante a ação da prefeitura. “Achei a iniciativa muito importante, ainda mais se preocupando com os trabalhadores dessa região que estão a semana toda por aqui”, explicou o funcionário.

A funcionária de limpeza, Célia Machado, trabalha há dois anos na área que está recebendo a vacina e elogiou a inciativa da Prefeitura de Sorocaba. “Essa ação de imunização é excelente, ainda mais depois da morte do macaco morto com febre amarela no Parque do Matão (em Votorantim)”, contou Célia.

Sorocaba não é considerada área de recomendação da vacina e não possui até o momento nenhum caso confirmado de febre amarela em humanos e nem registros de óbitos em macacos.

Para ser vacinado, o morador dessa localidade precisará apresentar o documento de identidade com foto e comprovante de residência. Aos trabalhadores, será exigido documento de identidade com foto e um dos seguintes documentos: carteira de trabalho, holerite, declaração da empresa, crachá da empresa ou outro documento que comprove o vínculo empregatício nessa região.

Em Sorocaba é aplicado a dose única da vacina que tem validade para a vida toda. A medida está de acordo com orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Secretaria de Saúde informa que outras áreas da região do Campolim, próximo ao Carrefour e ao Extra, receberão a imunização e a divulgação será realizada nos próximos dias. Como essa região integra muitos prédios, a SES está contatando a administração dos residenciais para avisar e agendar a vacinação.

 

Programação nos dias 18 e 19

Na quinta-feira (18) e na sexta-feira (19), das 8h às 17h, serão os dias de imunização em condomínios daquela região. Na quinta pela manhã, ocorrerá no Sunset e à tarde, no Tivoli. Na manhã de sexta-feira será feita a vacinação no Tivoli e à tarde no Sunset. A vacinação acontece dentro dos condomínios aos moradores e trabalhadores do local. O motivo da vacinação ser realizada dentro dos residenciais faz parte da estratégia de imunização que utiliza um posto volante para vacinar apenas os moradores daquela área que necessita. Além disso, facilita o fluxo e organização da imunização sem causar transtornos.

 

Quem deve ser vacinado em Sorocaba?

Sorocaba possui dois públicos que devem ser vacinados: viajantes para áreas de recomendação da vacina e moradores/trabalhadores das regiões que recebem as ações preventivas contra a febre amarela que são orientadas pela Secretaria do Estado de Saúde.

Aos viajantes é oferecida a vacinação de segunda a sexta-feira em três Unidades Básicas de Saúde, que podem ser consultadas através do site – http://saude.sorocaba.sp.gov.br/destaques/vacinacao-contra-febre-amarela/

Desde o dia 3 de janeiro, a SES realiza ações preventivas contra a febre amarela em regiões com maior risco do vírus e próximas de matas. Os locais escolhidos a receberem a ação são feitos através de orientação da Secretaria do Estado de Saúde. Além disso, é o Estado quem fornece as doses da vacina que são únicas e para a vida toda. Sorocaba já realizou ações em Brigadeiro Tobias, Aparecidinha e nessa semana imuniza a área rural de Brigadeiro Tobias, Bairro dos Morros, João Romão e a região do Campolim, próxima do Parque do Matão.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.