Quinta-Feira, 16 de Agosto de 2018

21/2/2011 - Sorocaba - SP

Santuários serão declarados polos turísticos religiosos




da assessoria de imprensa da câmara de Sorocaba

Aprovados projetos do vereador José Crespo (DEM) que tornam pólos turísticos o Santuário de Aparecidinha e o de São Judas Tadeu, no Central Parque

Nesta quinta-feira (17) e por unanimidade, a Câmara Municipal aprovou dois projetos de lei do vereador José Crespo, instituindo como polos turísticos religiosos os santuários arquidiocesanos Nossa Senhora da Conceição Aparecida, em Aparecidinha, e São Judas Tadeu, no Central Parque.

A inclusão dos santuários Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Judas Tadeu como polos turísticos religiosos de Sorocaba representará um avanço na profissionalização do turismo religioso e a consagração de um roteiro criado espontaneamente pela manifestação de fé de milhares de cidadãos. A intenção do vereador com aqueles projetos foi a de reconhecer a importância dos santuários, com destaque para os eventos tradicionais que eles realizam.

Crespo apresentou os projetos por entender que, entre os segmentos que mais crescem na sociedade atual, o turismo figura entre as áreas com maior notabilidade. E, entre as modalidades, a que mais vem tomando destaque é o de turismo religioso que, diferente dos demais segmentos de mercado, tem a fé como principal motivação.

A modalidade já existe e é praticada em todo o território nacional, contabilizando mais de 20 milhões de usuários desta área que, pelo volume e grande crescimento, merece regulamentação e participação dos entes públicos. “O turismo religioso já é uma realidade nas localidades que oferecem qualquer atrativo de cunho sagrado, seja ele monumentos, festas religiosas, construções ou lugares sagrados”, observa o vereador.

Lembrando que, para cada emprego direto na indústria do turismo criam-se empregos indiretos, Crespo observa que o setor é “um veio exeqüível de absorção de mão-de-obra e tem uma relação ampla com a economia, compreendendo a maioria dos setores econômicos direta ou indiretamente e, assim, permite a criação de empregos e a geração de renda em todos os segmentos, através de seu efeito multiplicador”.

O turismo religioso configura-se pelas atividades decorrentes da busca espiritual e da prática religiosa, caracterizando-se pelo deslocamento em espaços e eventos relacionados às religiões institucionalizadas como a realização de peregrinações, romarias, itinerários e percursos de cunho religioso, a participação em retiros espirituais, festas e comemorações religiosas e a visitação a espaços e edificações religiosas (igrejas, templos, santuários, oratórios).

No caso de Sorocaba, a Catedral Metropolitana, o Museu de Arte Sacra, o Mosteiro de São Bento e os santuários arquidiocesanos de Nossa Senhora da Conceição Aparecida e o de São Judas Tadeu, entre outros monumentos e templos, são alguns dos principais símbolos culturais e religiosos presentes.

Santuário de Aparecidinha

No caso do santuário de Aparecidinha, por exemplo, a manifestação religiosa mais conhecida é a romaria realizada duas vezes ao ano, com ida da imagem da Santa da Catedral Metropolitana ao santuário no segundo domingo de julho e retorno em 1º de janeiro. Essa romaria, oficializada através da Lei nº 8.178, de 4 de Junho de 2007 e nascida de um projeto do vereador Hélio  Godoy, vem se repetindo há mais de um século.

A igreja que deu lugar ao santuário foi construída em 1785, quando o português guarda-mor Antonio José da Silva mudou-se de Lorena-MG para Sorocaba, fixando residência no bairro do Pirajibú do Meio e trouxe consigo uma imagem em madeira de Nossa Senhora Aparecida. Mandou construir uma capela e esta foi a segunda igreja dedicada a Nossa Senhora (a primeira foi a da cidade de Aparecida/SP) no Brasil.

O movimento de peregrinos ao santuário de Aparecidinha cresce a cada ano. No histórico bairro também se encontram as modernas instalações do Seminário Arquidiocesano São Carlos Borromeu.

São Judas Tadeu

A festa de São Judas Tadeu é um evento religioso comemorado anualmente com programação festiva litúrgica com início sempre no dia 20 de outubro e com término no dia 28 de outubro de cada ano, data em que se celebra oficialmente o Dia de São Judas Tadeu. Ela é organizada pelo santuário de São Judas Tadeu, localizado na Rua Walter Luiz D'Avila, nº 171, no bairro Central Parque.

O evento, que reúne anualmente milhares de fiéis e peregrinos no santuário de maneira crescente, estimula o turismo religioso e é uma comemoração tradicional para a igreja e as famílias, atraindo pessoas de todo o Brasil que visitam o templo para fazerem suas orações, preces e agradecimentos.

A propagação da devoção a São Judas Tadeu partiu do padre Flávio Jorge Miguel Junior, responsável pela paróquia com o nome do santo, elevada a santuário através de decreto do arcebispo metropolitano, dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues, que a transformou num centro de refer&ec



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.