Quarta-Feira, 17 de Outubro de 2018

4/3/2011 - Sorocaba - SP

Projeto Minha Escola Lê oferece livros gratuitos para Escolas da Rede Pública de Sorocaba e Região




da assessoria

Todos sabem da importância da leitura no cotidiano dos indivíduos. No entanto, muitas unidades de ensino, especialmente da rede pública, ainda possuem poucos recursos para envolver seus estudantes em projetos que estimulem e ou promovam o hábito da leitura.

Em razão desse grande déficit de leitura no Brasil, o Grupo Projetos de Leitura (Instituição sem fins lucrativos) criou o projeto “Minha Escola Lê”, que tem como objetivo incentivar o hábito da leitura oferecendo livros e demais materiais didáticos, completamente gratuitos às escolas públicas. O projeto conta com o apoio do Ministério da Cultura, e é patrocinado pela ZF do Brasil, empresa que trabalha em constante interação com a sociedade, apoiando iniciativas como a do projeto Minha Escola Lê, a fim de beneficiar milhares de pessoas.

As inscrições estão abertas e vão até 31 de março de 2011. Podem participar das atividades, escolas públicas de todo Brasil, com séries a partir do 6º ano (5ª série) do ensino fundamental, ao nível médio. A mecânica do trabalho envolve a leitura de um dos livros do escritor Laé de Souza (que nessa edição será com o livro “Nos Bastidores do Cotidiano”), discussão dos temas propostos na obra, criação de textos e adaptação para teatro, entre outras atividades.  A escola participante receberá um lote de 38 a 152 livros, além de material de apoio como: folhas pautadas para redação e ainda um cartilha pedagógica para auxiliar o professor a executar as atividades dentro da sala de aula.

Após a leitura e o desenvolvimento das atividades sugeridas, os alunos respondem um questionário sobre a obra e elaboram textos baseados nas crônicas ou nos personagens. Serão premiados, por classe, com outra obra de Laé de Souza, três autores dos melhores trabalhos.

Os alunos participantes, concorrem também a ter o seu texto numa coletânea intitulada "As melhores crônicas do Minha Escola Lê", que será lançada no final de 2011, com as melhores crônicas dos alunos participantes do projeto.

Para o coordenador do trabalho, o escritor Laé de Souza, a ideia é atrair todos os estudantes para uma participação ativa em um movimento literário na sua própria escola. “A disseminação da leitura na sala de aula, se bem orientada, poderá criar novos cidadãos apaixonados pela leitura e com vontade própria de ler. Nosso trabalho é desenvolvido para que os jovens se tornem adultos atraídos pelos encantos e aprendizado que a leitura de livros pode proporcionar”, esclarece.

As inscrições das escolas, no projeto, deverão ser efetuadas pelo professor, no site www.projetosdeleitura.com.br.

Sobre o Grupo Projetos de Leitura

Criado em 1998, pelo escritor Laé de Souza, os trabalhos têm como objetivo vencer um dos maiores desafios encontrados pelos professores e amantes da literatura: criar o hábito da leitura.  Os projetos, apoiados pelas leis de incentivo à cultura, são aplicados em escolas da rede pública, parques, praças, hospitais, transportes coletivos, hipermercados e outros.

Sobre o autor

Laé de Souza é cronista, dramaturgo, produtor cultural, bacharel em Direito e Administração de Empresas, autor de vários projetos de incentivo à leitura e de livros infantis, juvenis e adultos, entre eles: “Acontece”,  “Acredite se Quiser!”, “Quinho e o seu Cãozinho – Um cãozinho especial”, “Nos Bastidores do Cotidiano” , “Espiando o Mundo pela Fechadura”, “Coisas de Homem & Coisas de Mulher”.

ZF do Brasil

Com 119 unidades em 25 países, e mais de 57 mil colaboradores no mundo, o Grupo ZF conquistou a confiança da indústria automotiva, tornando-se um dos principais parceiros e figurando entre os 15 maiores fornecedores mundiais desse setor. Em 90 anos de história, a ZF vem desenvolvendo novos produtos e tecnologias que revolucionam o mercado e estão presentes no mundo inteiro.

A ZF trabalha com uma clara política de interação com a sociedade, promovendo diversas iniciativas que beneficiam milhares de pessoas. Todas as estratégias de negócios estão alinhadas a projetos comunitários, integrando as comunidades próximas com as atividades da empresa.

 



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.