Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019

28/10/2019 - Sorocaba - SP

As experiências de quem é feliz em servir ao município




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Sorocaba

No dia 28 de outubro é celebrado o Dia do Servidor Público. Na Prefeitura de Sorocaba os funcionários públicos merecem elogios, não apenas pelos serviços prestados, mas pelo empenho, esforço e compromisso com a população e dedicação com o trabalho exercido. É pensando nisso que os servidores atuam todos os dias para a nossa cidade.

Sorocaba tem atualmente 9.500 servidores públicos municipais, entre estatutários e contratados pelo regime CLT, que se dedicam em buscar atender as necessidades dos munícipes. Na história de dois deles, o sentimento comum de orgulho em poder servir a população.

Hoje técnico de tráfego da Secretaria de Mobilidade e Acessibilidade (Semob), Luiz Roberto Pires, tinha apenas 14 anos quando ingressou no serviço público. Aos 55 anos de idade está, portanto, há 41 anos na Prefeitura, sendo o servidor mais antigo do Paço Municipal. Luiz é um dos responsáveis pelo setor de sinalização viária. “Tenho 55 anos, comecei bem novo na Prefeitura e tive muitos aprendizados e experiências. Ser servidor me fez crescer tanto como pessoa quanto como profissional”, conta emocionado.

Segundo o funcionário, ele trabalhou por uma semana como cobrador de ônibus na cidade, e isso fez com que ele tivesse uma experiência satisfatória e fez enxergar o transporte de Sorocaba, na época, sob um outro ângulo. “Eu fico muito grato e feliz por ter sido cobrador de ônibus. Sinto que fiz parte da história da cidade, vivenciei histórias e situações felizes no transporte coletivo. Foi um momento marcante na minha vida”, relata.

A felicidade de ver o impacto do seu trabalho nas ruas da cidade, é a maior recompensa para Luiz, já que estes serviços melhoram as condições das pessoas e possibilitaram melhor qualidade no trânsito. “Eu exerço meu trabalho com simplicidade, competência e respeito, fazendo o melhor possível para a população sorocabana. Diariamente aprendo coisas novas e tento repassar todo o conhecimento para os meus colegas, pois assim sei que seremos capazes de aprimorar nossa assistência aos munícipes”, ressalta o técnico de tráfego.

 

Prefeitura e Assistência Social

Elisangela Maria Thomazini, de 40 anos, dedica-se ao bem-estar do sorocabano por meio da assistência social. “Em 2009 prestei vestibular, entrei para faculdade e me apaixonei. Tive a certeza de que essa seria minha profissão”, explica a assistente social, carinhosamente chamada de Elis, por seus companheiros de trabalho.

A atuação do assistente social é de extrema relevância na sociedade. Sua prática é orientada pelos direitos previstos na Constituição Federal de 1988 e pelas legislações complementares referente às políticas sociais e aos direitos da população.

“Ao contrário do que o senso comum diz, a profissão não se resume a ajuda e caridade. Está voltada ao atendimento às pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social.”, pondera a assistente social do Centro de Referência ao Idoso (CRI) – pertencente à Secretaria de Igualdade e Assistência Social (Sias).

A servidora está na Prefeitura há 12 anos e resume seu trabalho na realização de um sonho, desde que uniu a docência no ensino superior, área em que também atua há 10 anos, ao trabalho dentro do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência ao Idoso.

Nesses anos de trabalho muitas histórias cruzaram seu caminho, gerando uma experiência significativa do trabalho que realizava com um grupo de famílias de crianças vítimas de violência sexual. “Os acompanhei por aproximadamente 3 anos. Poder ver a superação de cada família diante de tanto sofrimento, tem um valor inestimável. Saber que meu trabalho fez a diferença na vida daquelas pessoas”, conta Thomazini.

“Sou grata à Prefeitura de Sorocaba, pois vinculada a ela tenho a oportunidade de agir e crescer profissional e pessoalmente”, finaliza Elisangela, carregada de carinho.

Seja na Secretaria de Igualdade e Assistência Social ou na de Mobilidade e Acessibilidade, ambos os servidores públicos se dedicam com prazer e vigor para contribuir com Sorocaba.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Sorocaba Fácil.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Sorocaba

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças e acessórios aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de peças que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

O mercado de Aluguel de louças em São Paulo aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas em São Paulo) para um festa

O Emprestimo para aposentado.

O BMG Emprestimo.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.